10 de abr de 2013

João XXIII, Parravicini e Nostradamus (Parte III) - A Queda da Igreja



Parte II: AQUI

Para saber mais sobre profecias e estudos bíblicos, conheça meu primeiro livro "A Bíblia no 3º Milênio" que interpreta todos os versículos do Apocalipse e boa parte das principais profecias bíblicas como Daniel, Sermão Profético, Nostradamus e Ezequiel: 

https://www.clubedeautores.com.br/book/148751--A_Biblia_no_Terceiro_Milenio


Trago hoje a terceira parte de uma série de de 6 textos com profecias de João XXIII, Parravicini e Nostradamus sobre a vinda do último Papa, o processo de queda do Vaticano, o surgimento do falso profeta, a invasão européia e o fim do papado antes do ápice da Tribulação. Os seis textos estarão assim nomeados:

1) A Eleição do Último Papa
2) A Morte do Papa
3) A Queda da Igreja
4) Muitos Pais antes do Ápice
5) Roma após a morte de Francisco
6) O Falso Profeta



O título dessa mensagem feita por Parravicini em 1938 é “Igreja Cega”. Seu conteúdo fala sobre a queda do Vaticano:


“Roma na miséria, cai em desastre a cidade ducal. Hermetismo no bairro de Nápoles. Desorientação no Vaticano. A Igreja desmorona, o Papa sairá, mas se popularizará mais tarde. As reformas assustarão os católicos. Os jovens sacerdotes enfrentarão correntes passageiras de poder e dominação. Nova Igreja, novas formas. Conciliábulos em lutas. O amanhã será o regresso às catacumbas.”

Cidade ducal é uma clara referência ao Vaticano, pois ducal vem de duque, título que se refere ao chefe de Estado de um ducado, aquele que conduz. A miséria em Roma devido a profunda crise econômica respingará no Vaticano e com suas riquezas seculares, passará a ser alvo do governo na tentativa de salvar em parte a economia destruída. “Hermetismo no bairro de Nápoles” parece identificar uma referência a reunião de grupos iniciáticos como maçons e rosa cruzes sobreviventes das convulsões sociais.

A morte do papa demarca o desmoronamento da Igreja, ou seja, da instituição do papado. O próprio papa já deu sinais de que pretende mudar profundamente o significado do cargo atribuído ao papa, acabando com a divinização do papa e dando maior ênfase ao estudo e prática do Evangelho, o que culminará com a própria descentralização do papado, que ao invés de ser restrito a um único homem como ocorre nos dias de hoje, será dividido em papados continentais ou apostolados a serviço do único papa, Jesus Cristo. Por essas profundas modificações no seio da Igreja, o papa será conhecido pelos mais tradicionalistas como um antipapa, alguém que foi contra o papado, reformas que assustarão os católicos e fará com que muitos, segundo Paracelso, acreditem que o papa é louco.

“Os jovens sacerdotes” parece identificar os mesmos “santos de Milão” citados por João XXIII, provavelmente jovens bispos, religiosos ligados aos franciscanos, jesuítas e outras ordens que apoiarão o papa Francisco e que após a morte deste levarão o seu legado, combatendo as correntes e o poder de opositores tradicionalistas, a própria ação do governo e futuramente uma invasão islâmica ao território de Roma.

Ou seja, a Igreja em Roma após a morte do papa não será guiada por outro papa, mas sim por um grupo de jovens sacerdotes com os mesmos propósitos e ideais do papa morto, é o que o texto fala quando diz “Nova Igreja, novas formas”.

“Conciliábulos em lutas” significa conluios, reuniões secretas, concilio que toma decisões heréticas, tudo isso em um clima de lutas internas. Ou seja, após a morte do papa, a ala mais tradicionalista brigará entre si pelo poder e com a autoridade governamental de Roma, que também desejará o controle do Vaticano, todos eles em oposição aos sacerdotes reformistas dando continuidade aos ideais do papa Francisco, já morto nessa época. Em virtude desse cenário, os progressistas/reformistas não terão mais espaço na Igreja e serão duramente perseguidos e terão que praticar o Cristianismo em locais escondidos, como era no passado, quando os cristãos primitivos se reuniam em catacumbas nas madrugadas para burlar a perseguição romana. A menção feita na profecia de João XXIII sobre a morte do papa ao dizer que um convento seria destruído durante na época que o papa morreu ratifica essa profecia de Parravicini sobre tempos de perseguição aos apoiadores da Igreja em solo romano.

Nas páginas 89 e 93 do livro que contém as profecias de João XXIII, o processo de queda e destruição do Vaticano é claramente vaticinado. Vejamos a profecia contida na página 89:

“Dois irmãos e nenhum será Pai verdadeiro. A Mãe será viúva. Os irmãos do Oriente e do Ocidente se matarão e no assalto matarão seus filhos”

O conflito em Roma entre a ala radical islâmica (irmãos do Oriente) e as forças européias e americanas (irmãos do Ocidente), no qual nenhum deles, nem islâmicos, nem americanos e nem europeus, serão chefes (pai, papa) da Igreja, até porque nessa época o Vaticano deverá estar em escombros, a figura centralizada do papa não existirá mais e no seu lugar existirão diversos apóstolos ou bispos representando a liderança católica em países e continentes do mundo. Esses eventos devem ocorrer a partir de 2029, pois é quando a Mãe estará viúva, ou seja, o último papa já terá falecido.

“Então descerá da montanha o santo descalço e abalará o reino, diante do túmulo do descalço, abençoado pela Virgem Santíssima. Ouvi as suas palavras”

O santo descalço é uma referência a um homem, provavelmente da Ordem dos Franciscanos, que após a morte do papa será uma espécie de líder dos católicos vivendo em Roma, um nobre homem que segundo a profecia de João XXIII apresentada no primeiro texto desta série de 6 textos, será uma espécie de braço direito do papa, alguém que o atual papa escolherá em meio aos conflitos internos em Roma e da possibilidade da invasão islâmica, alguém que manterá o seu legado no entre 2029 e 2036, até a chegada do ápice da Tribulação. Ao comandar essa resistência de jovens católicos (jovens sacerdotes, jovens de Milão descritos nas profecias de Parravicini e João XXIII), ele abalará o reino estabelecido, provavelmente um reino formado primeiro por políticos romanos sobre o Vaticano e depois de invasores islâmicos, sobre Roma e o que sobrou do Vaticano.

Veremos a seguir que esse santo descalço vem de Loreto, local que possui um santuário famoso todo construído em pedra.  Em outro texto profético, na página 120, João XXIII mostra claramente que a manifestação desse homem que desce da montanha, após a morte do último papa, ocorrerá em um tempo próximo do auge dos eventos em 2036: “Será então que Noé começará a construir a Arca (preparação para o grande dilúvio). Mas não conhecerá as águas, graças a palavra de não se sabe quem, mas que faz tremer os poderosos, quando desce da montanha”

“Maria Santíssima, senhora do tempo futuro, chama à colheita os teus filhos do campo, a fim de que abatam as duas Babilônias. E uma seja a Mãe, como única és tu”

Os filhos do campo parece indicar novamente os jovens de Milão, os jovens sacerdotes, naturalmente agrupando forças nas zonas campestres e rurais distantes do burburinho da área urbana. As duas Babilônias são duas representações da antifraternidade que também aparecem no Apocalipse, uma delas é a derradeira, representada pelos Estados Unidos, a outra é Roma, descrita como a Besta que era e já não é (Apocalipse 17) quando da eleição do último papa, pois Roma foi a primeira. representação da Besta através das 3 expressões do império romano: ocidente, oriente e papado. A unidade da Mãe representa a única expressão do Cristianismo que foi verdadeira: o Cristianismo Primitivo, ou seja, restabelecer em solo italiano perante os invasores islâmicos, políticos e exercito italiano e tradicionalistas católicos a única representação do Cristianismo. Ao final deste texto deixarei o link para o texto do blog que fala sobre as duas babilônias.

“A terra destruirá o cimento e de terra será, Rainha, a tua nova Igreja. E sobre a terra o grão, para a fome de teus povos, flores sobre o seu novo altar. Amém”

O fim das Igrejas luxuosas, dos templos nababescos, dos grandes negócios em nome da fé, tudo isso é representado pelo fim do cimento, fazendo surgir a verdadeira expressão da eklesia dos tempos do Cristianismo Primitivo justamente entre os homens do campo, enquanto na cidade urbana as lutas entre islâmicos e europeus colocam abaixo as antigas Igrejas de cimento.


Vejamos agora a profecia na página 93:

“A longa paz fará esquecer os passados erros. Fará esquecer o grande irmão crucificado invertido. E na Mãe estará a guerra e os rebanhos se dispersarão.”

A frase que fala sobre o esquecimento em virtude da longa paz representa o período entre o final da segunda guerra e o início das convulsões sociais em Roma, quando o próprio governo romano buscará nas riquezas do Vaticano a salvação da economia italiana, esse é o período da longa paz. O grande irmão crucificado invertido é uma referência clara ao apóstolo Pedro, que foi crucificado de cabeça pra baixo e representa nessa profecia o último papa, o último Pedro a sentar no trono romano, Pedro Romano que é o papa Francisco. A guerra começará na Igreja, ou seja, na Mãe, tanto pela modernização do papado e seu enfraquecimento (descentralização do poder na figura de um único papa) que causará fortes oposições dos clérigos mais tradicionalistas, como também pela própria crise interna em Roma, que buscará sua salvação econômica nos tesouros do Vaticano.

“Então alguém gritará sangue e será ouvido. Ai de quem tiver gritado, o primeiro sangue a escorrer será o seu. Meia-lua, estrela e cruz se encontrarão. Alguém manterá alta a cruz negra.”

Estamos em um período após a morte do papa, após 2029. Islâmicos (meia-lua) Americanos (estrela) e Europeus ( cruz) se encontrarão em um confronto sangrento. Enquanto isso, o personagem descrito por João XXIII como o santo descalço, aquele que acompanhou o papa Francisco até os seus momentos finais, permanece em Loreto, mais precisamente na Santa Casa, mantendo alta a cruz negra, pois exatamente nesse famoso santuário existe uma pequena imagem negra da Virgem Maria com o menino Jesus, por isso João XXIII fala sobre uma cruz negra (que está exatamente no corpo da imagem, mantida alta em um altar).



 “Do vale do Príncipe virão os cavaleiros cegos. Atrás deles, os corvos da fome, da carestia, da pestilência.”

O líder da ala radical islâmica, ao que tudo indica é alguém com um defeito na visão, cego de um olho talvez, ou com a visão muito comprometida nos dois olhos. Ele trará a fome e a guerra para a Europa, é a representação humana do cavaleiro Morte que monta o cavalo amarelo do Apocalipse, um dos 4 cavalos que representam respectivamente 4 representações da Besta, por isso o Apocalipse fala que o 666 é número de homem, pois representa os 4 homens que montaram nos 4 cavalos e os tornaram animais ferozes, therion, Bestas, e também é o número da Besta. Em um dos posts do blog eu explico os significados do 666. Esse homem é nomeado por João XXIII como “Severo” e dele falaremos em um dos próximos posts nessa série de seis textos.   

“Para onde acreditais fugir, ora que destruístes as igrejas e assassinastes o último Pai?”

Esse “alguém” que gritou sangue parece ser algum europeu, talvez ligado a política ou a Igreja, que terá atuação decisiva no assassinato do papa Francisco. Algumas pistas sobre esse assassinato futuro são dadas por Parravicini em suas profecias nessa série de textos.

“Esperais o sinal de João. A ovelha está preparada. Persignai-vos sete vezes com mão cansada e esperai. A luz vem ainda do Ocidente”

João XXIII fala de um sinal, dado por João no Apocalipse. A ovelha, que representa Jesus (o cordeiro de Deus) é uma referência a vinda do grande dia do Senhor, o ápice da Tribulação. A nível temporal pode indicar os 7 anos entre 2029 e 2036 ou ainda os 7 meses que precedem o grande auge em abril de 2036, de qualquer forma a profecia fala num momento de espera e oração (persignar, fazer o sinal da cruz na cabeça). A luz do ocidente é a referência que o próprio Jesus trouxe no sermão profético, um relâmpago do oriente que chega ao ocidente, a queda do Apophis em 2036. 

As Duas Babilônias: AQUI

Os Significados do 666: AQUI 


Parte IV: AQUI  


Fanpage Profecias o Ápice em 2036 no Facebook: 



24 comentários:

Edson Siqueira disse...

Incrivel as descrições, qndo eu li parecia q ja estavamos vivendo esse periodo vou aguardar as demais postagens pois quem lê as profecias, olha as noticias do mundo sabe q as profecias estão se concretizando ainda mais com as suas interpretações fica mais claro ainda todos pontos parabens jose muito boa as postagens espero q mais pessoas possam add a fanpage do face e ter um conhecimento como muitos de nós estamos tendo atraves do blog se pegassem essas postagens dos 6 textos dava um grande roteiro para um filme e baseado em fatos profeticos reais não sei se acharia uma boa ideia, mais um filme digitalizado tbm seria epico e um grande projeto se eu tivesse grana ou conhecimento eu bancava essa ideia ajudaria a muitas outras pessoas a terem um entendimento melhor sobre a transição planetária parabens por todo esse trabalho jose

José Alencastro disse...

Fico feliz que tenha tamanha identificação com os textos do blog Edson. Mas aguarde, que a "cereja do bolo" ainda virá, ao final dessa série, com muitas informações proféticas sobre o falso profeta. Abraço

Eder disse...

A cada texto publicado fica mais claro que estamos mesmo vivendo os tempos finais escrito no apocalipse.
Como diz em um dos desenhos de Parravicini, o fim sera profetizado mas ninguém acreditara, acho que nos como humanidade, estamos preocupado apenas com os bens materiais e não estamos preparados pra sair da zona de conforto, preferimos acreditar que nada vai acontecer.
Que Deus nos de Luz e sabedoria pra enfrentarmos os tempos difíceis...

Edson Siqueira disse...

É VERDADE JOSÉ SEMPRE ACOMPANHEI SOBRE PROFECIAS SEMPRE ME CHAMARAM MUITA ATENÇÃO E ACHAVA ESTRANHO AS PESSOAS NUNCA COMENTAREM EU SEMPRE LI LEMBRO QUE QNDO MAIS NOVO EU LIA E RELIA SOBRE O LIVRO DO APOCALIPSE DA BIBLIA E TENTAVA ENTENDER ALGUMA INFORMAÇÃO MAIS SEMPRE TIVE ESSA CURIOSIDADE E PESSOAS COMO VC TEM AJUDADO NO ENTENDIMENTO DE MUITOS QUE ESTÃO VENDO COMO MUNDO VEM AGINDO E NÃO SEI SE ACONTECE COM OUTRAS PESSOAS SEMPRE TENHO A SENSAÇÃO QUE ALGO ESTRANHO ACONTECE NO MUNDO DE QUE ALGO IRÁ ACONTECER E AS PESSOAS FICARAM ASUSTADAS QUANDO OCORRER PQ NÃO DÃO IMPORTANCA PARA ALGO QUE VAI ACONTECER E ESTA SENDO DITO E VC PASSA ESSAS INFORMAÇÕES COM MUITO TRABALHO PQ CONCERTEZA VC RESERVA UM TEMPO NO SEU DIA DIA PARA PASSAR ESSAS INFORMAÇÕES COM PRECISÃO É SINAL QUE É BEM TRABALHOSO ALGUMAS PESSOAS NO SEU LUGAR ESTARIA COBRANDO PARA PASSAR ESSAS INFORMAÇÕES COM ARGUMENTOS DE QUE VIVEM DISSO INFELIZMENTE ALGUMAS PESSOAS OPTAM PELA GANANCIA E VAIDADE POR TEREM UMA BOA MEDIUNIDADE ACABAM ESQUECENDO ALGUNS ENSINAMENTOS E ISSO VEMOS SEMPRE AÍ, MAS VC ESCREVE COM HUMILDADE E VONTADE DE ESCLARECER AS PESSOAS SEM GANHAR NADA EM TROCA APENAS COM INFORMAÇÕES ESSENCIAS PARA UM MUNDO QUE NOS AGUARDA POR ISSO O RECONHECIMENTO MEU E DE TODOS PELAS SUAS POSTAGENS QUE ALEM DAS POSTAGENS VC AIND RESPONDE AS PERGUNTAS PARA ESCLARECER MAIS!!! QUE DEUS CONTINUE TE ILUMINANDO, QUE NOS DE FORÇA, SABEDORIA A VC E MIM E A TODOS OS OUTROS AMIGOS QUE AQUI POSTAM INFORMAÇÕES IMPORTANTES TBM COM PERGUNTAS AS QUAIS VC RESPONDE COM MUITA SABEDORIA ENTÃO SEM MAIS RSRSRSRS!!! A NOSSA ESPERA PELOS TEXTO JA DIZ COMO TODOS QUE PARTICIPAM ESTÃO FELIZES POR ESTAR TENDO ESSES CONHECIMENTOS QUE MUITOS FECHAM OS OLHOS OU AINDA ESTÃO COM OS OLHOS VENDADOS PENSANDO APENAS NO HJ E ESQUECENDO DO AMANHA!!! UM ABRAÇO FICA NA PAZ AÍ E AGUARDANDO O BOLO E A CEREJA DOS TEXTOS RSRSRS!!!

Blubaglu disse...

Olá a todos, nao sei se vocês já perceberam mas pelo que se lê em Nostradamus e em João XXIII se percebe que haverá resistência francesa e italiana, mas nunca li algo a respeito de como estarão os paises do norte europeu, Pu como a crise vai ser encarDa pel população.
Nostradamus fala que Paris será incendiada, imagina só o nível da sublevação popular, pois o povo vai fazer isso, e não tropas estrangeiras, e aí me pergunto como estarão Alemanha, Inglaterra, escandinava, Polônia....
Estarão numa situação melhor a ponto de nao terem motivo para revoltar-se, ou terão aquela altura sido já arrasados a ponto de nao ter população expressiva, e seria esse então o motivo de nao se insurgirem?

Alguém percebeu isso já?

Abraços a todos,
João.

José Alencastro disse...

Obrigado Edson. Tambem é gratificante pra mim exercer essa função, pois quanto mais escrevo, mais aprimoro a minha mediunidade e a consciencia do trabalho que ainda tenho pela frente.

José Alencastro disse...

Pergunta dificil João, mas não vejo a Alemanha por muito mais tempo na zona do Euro.

Tem um texto no blog que fala um pouco sobre isso: http://profeciasoapiceem2036.blogspot.com.br/2012/06/transicao-planetaria-em-3-perguntas.html

Abraço

João Inácio disse...

Zé, não tenho facebook, então comentarei aqui sobre a resposta que vc deu ao Christian Andrich, lá na fanpage.

Pois bem, vc disse que João Batista reencarnou no interior de MG, o que não bate com a profecia de João XXIII. Será? MG é o terceiro estado em número de descendentes de italianos (perde para SP e RS) e, curiosidade, boa parte dos italianos que foram para MG vieram de regiões montanhosas da Itália, especialmente da Sardenha, ilha montanhosa e árida da península. MG tem o maior contingente de oriundos da Sardenha no Brasil.

João Batista pode ter nascido em Minas, descendente de sardenhos ou outros italianos e isso, como todos sabem, não o impendem de ser negro, já que a miscigenação lá foi muito maior que em SP e RS. O que tu achas?

Abraços!

José Alencastro disse...

Então João Inácio, da mesma forma que o papa, que é jesuíta mas tem adotado posturas franciscanas, nada impede que JB reencarnado, mesmo nao sendo franciscano tambem venha adotar posturas franciscanas. O que ocorre é que a profecia de João XXIII fala de um homem que vive na Itália, proximo a Roma em uma região montanhosa. A missão de JB é voltada para o Brasil, até porque com a queda do Vaticano o Brasil será o principal foco católico do mundo, mas de um catolicismo renovado, diferente do que foi cultivado nos ultimos séculos pela Igreja. Sendo assim a atuação e o objetivo da missão de JB são distintos do "santo dos pés descalços" descrito por João XXIII, o que de forma alguma desabona esse espirito, que tambem é um espirito iluminado e que acredito será daqui a algum tempo conhecido do mundo. Abraço

luís rodrigues coelho Coelho disse...

Venho agradecer a visita em lidacoelho.
Os temas deste blogue são novas formas de pensamentos e de ver a Igreja, mas no seio da Igreja está Cristo O Redentor.
Nada começa nem termina por vontade ou decisão dos homens, mas por autorização de DEUS.
Será a fé que nos guia para JESUS.
Ele tem todo o poder no Céu e na terra.

Creio Senhor, mas aumenta a minha fé

Gosto de ler estes apontamentos e ainda de os relacionar com os actuais acontecimentos da nossa história.
Uma sociedade em mudança vertiginosa e muitas vezes irreverente aos nossos conceitos tradicionais...

✿ chica disse...

Vim agradecer tuas visitas e achei interessante o tema trazido e discutido aqui.

abraço,chica

Evanir disse...

José Alencastro..
Obrigada pela visita li parte da primeira postagem ou seja a última postada.
Eu não conhecia seu blog agradeço por me visitar .
Seus blog é muito interessante despertou em mim muita curiosidade em saber muito , mais muito mesmo sobre esse assunto .
Por tudo que li terá uma mudança radical será o fim do reinado de Roma ?
Gostaria de continuar a ler todas suas postagens já estou no seus seguidores.
Eu de terminar e agradecer deixarei minha outra pergunta será o fim ou começo da igreja evangélica
também??Ou teremos uma nova religião ou unificação das igrejas??
Creio em Deus fé esperança por um Mundo melhor .
Espero ter retorno das minhas perguntas abraços excelente final de semana..
Evanir.

José Alencastro disse...

Abraço Chica, seja bem vinda :)

José Alencastro disse...

Olá Evanir, eu acredito que ocorrerá um processo de renovação do Cristianismo na forma como ele existe hoje. O problema não está nas religiões, o problema está nos homens que se utilizam da religião para propósitos mundanos, como por exemplo enriquecer materialmente as custas do fieis. O sentido original de religião é religar, ou seja, estabelecer uma conexão consciente entre a pessoa e a sua essencia divina, que toda pessoa possui pois é filha de Deus, criatura criada pelo Criador pela Sua ação criativa e Jesus, quando veio a Terra, veio exatamente ensinar isso: como o homem poderia conectar-se cada vez mais conscientemente com a sua essencia divina e dessa forma alcançar a salvação, que nada mais é do que o encontro com Deus. Através do perdão, da mansuetude, da humildade, da caridade, da busca enfim em agir dentro da lei do amor, foi esse caminho que Jesus ensinou e exemplificou para que cada pessoa realizasse o seu religare, pois cada pessoa é a própria Igreja Divina (templo de Deus no qual habita o Seu Espírito), bastando conhecer a si mesma, conhecer a sua essencia divina, para adentrar no reino de Deus (Espírito Santo) que já habita dentro de cada pessoa e dessa forma, atraves do Espírito Santo e religada a Deus, possa fazer parte do grande corpo (espiritual e não carnal)do Cristo, citada em Efesios cap 4, que nada mais é do que a conexão que liga cada Espírito de cada pessoa entre si através de Deus. Por isso Jesus pregava ao ar livre, não construiu templos, condenou o luxo das sinagogas dos fariseus e os seus primeiros seguidores, os cristãos primitivos, reuniam-se em pequenas eklesias, humildes, sem luxo, buscando exortar a prática da busca espiritual por Deus ( o religare), assim como a caridade ao próximo (ser um instrumento ativo da vontade divina no mundo), pois são essas duas práticas que geram a salvação e não enriquecer igrejas luxuosas, pastores engravatados com carroes e helicopteros ou ainda supor que basta dizer acreditar em Jesus e não praticar o que ele disse que supostamente a pessoa estaria salva. Jesus mostrou o caminho, quem não percorrer esse caminho através da sincera prática do amor (a caridade) não encontrará a salvação, simplesmente porque não conseguirá se conectar sinceramente com os seus irmãos e muito menos com Deus. São essas mudanças que serão pra mim o Cristianismo do futuro, após o apice da tribulação. Abraço

Regina Maria disse...

Olá,José.Dentro da sua resposta à Evanir,então concluo que a tão esperada volta de Jesus,não será física,como muitos pensam,e,sim,na fé sincera despertada dentro de cada um, nos preceitos de Jesus, e no trabalho de reforma íntima, e na prática,de acordo com os seus princípios e ensinamentos,no planeta,antes de provas e expiações,e,influenciado pelos seres das trevas e ,estes,
vencidos pelas forças da luz, se transformando em planeta de regeneração?...
Abraço.

hoof disse...

Pois é José Alencastro, ta aí a confirmação de tudo que estás a mostrar para nós.

Que venha o fim da Igreja Suntuosa e voltemos ao verdadeiro religare.

Veja o link : http://noticias.br.msn.com/mundo/papa-cria-conselho-de-cardeais-que-deve-repensar-a-c%C3%BAria

P.S.: você tá me devendo alguma coisa que fale do REIKI.
Grande abraço a todos.

José Alencastro disse...

Exatamente Regina. Jesus falava por parábolas, o Apocalipse da mesma forma é cheio de figuras de linguagem. O dia do juizo, o dia do senhor, a vinda do fiel e verdadeiro montado num cavalo branco são metaforas que visam explicar como acontecerá o grande dia que demarcará essas mudanças, dia esse tambem descrito no Apocalipse como o terceiro "ai". Considerando que o cavalo branco simboliza o Imperio Romano, a primeira das quatro manifestações da Besta (therion, animal feroz, ou seja, o cavalo agressivo) que teve 3 imperios, sendo o ultimo que ainda resta de pé é o papado. Jesus voltar montado no cavalo branco significa um tempo no qual o papado (cavalo branco) não será mais montado por um homem, mas sim por Jesus, ou seja, a instituição papal, assim como a Igreja de luxos e ostentação como conhecemos hoje deixará de existir, para que o único papa da Igreja seja Jesus e seu evangelho. Compreendendo que os textos são figurativos é mais facil entender que a volta física ou do espirito de Jesus jamais foi profetizada , é tão somente um entendimento de alguns teólogos mais presos ao texto literal do que o seu verdadeiro significado figurado. Abraço

Profecias disse...

"E, quando dizia isto, vendo-o eles, foi elevado às alturas, e uma nuvem o recebeu, ocultando-o a seus olhos.
E, estando com os olhos fitos no céu, enquanto ele subia, eis que junto deles se puseram dois homens vestidos de branco.
Os quais lhes disseram: Homens galileus, por que estais olhando para o céu? Esse Jesus, que dentre vós foi recebido em cima no céu, há de vir assim como para o céu o vistes ir."[Atos cap 1,9-11]

Nesta parte da escritura a vinda de Jesus não é literal?

Regina Maria disse...

Agora falando do tão profetizado anti-cristo,para o final dos tempos.Ele é um ser físico querendo dominar o mundo?Ou seria, apenas,um sistema de princípios opostos ao Cristianismo?...
Muito se é dito sobre a "Nova Ordem Mundial" que quer dominar toda a população mundial e se transformar num único governo e numa única religião,com o intuito de "escravizar" e manipular as mentes para satisfazerem os seus objetivos.Mas ,já li,que no mundo de regeneração,t.bém. se terá um único governo e uma única religião e que será baseada nos princípios de Cristo.Então posso concluir que
a"Nova Ordem Mundial",primeiramente
descrita,é o objetivo de governo que,os senhores da escuridão,lutam intensamente para concretizar e,ao mesmo tempo,a usam para confundir a mente,das pessoas,quanto à sua verdadeira intenção?...Tipo um jogo?...Não sei se consegui ser clara,rs...Só sei que a briga do bem conta o mal está ferrenha...
Obrigada pela resposta acima,José.Um abraço.

José Alencastro disse...

Jesus se materializou em corpo de glorioso (de luz) e subiu em corpo glorioso. Da mesma forma a chamada "volta de Jesus" é uma luz que virá do Oriente até o Ocidente. Duas pistas: não é nem uma nava extraterrestre e nem o proprio Jesus...então o que será? :)

José Alencastro disse...

Segundo o Apocalipse, Regina, existem 4 Bestas, que representam sistemas que fomentaram a guerra e antifraternidade. Nos tempos finais, o homem descrito como alguéum que terá poder pra enganar as pessoas é intitulado de "falso profeta" e que tambem é descrito por outros profetas de grande valor, como Parravicini e João XXIII, além de Nostradamus. Mas porque afinal o Apocalipse fala que o número da Besta é tambem numero de homem? Simplesmente porque quem monta as 4 representações da Besta, que tambem sao mostradas nos 4 cavalos ferozes (Besta significa animal feroz), são 4 homens, ou seja, João mostrou claramente que os 4 cavalos e as 4 Bestas são sinônimos. Abraço

Edomberto Freitas disse...

Caro Alencastro,
Estive pesquisando sobre o premonitor Jucelino Nóbrega da Luz e fiquei surpreso ao descobrir que desde 2006 que ele vem alertando o mundo sobre o Cumbre Vieja nas Canárias, segundo seus sonhos premonitórios o vulcão explodirá entre 1 a 26 de novembro de 2013. Outra curiosidade é que ele enviou cartas registradas para a Nasa alertando que, segundo seus sonhos premonitórios, existe 80% de chance do apófis cair na terra em 2036.
Um abraço!
Edomberto.

Rodrigo disse...

José,

Devido à agregora dos EUA, ocorreu o atentado em Boston.
Estava previsto isso?

Abraço

José Alencastro disse...

Parece que teve uma vidente americana que falou sobre algo que talvez ocorresse dia 15 em relação aos Estados Unidos Rodrigo.