16 de jan de 2018

Como Faço Para Ser um Guardião - As Quatro Perguntas


Esclarecimento feito na obra "Brasil: Ordem em Progresso" lançada em julho de 2016 (a mesma que previu com meses de antecedência e detalhamento o ouro olímpico do futebol nas Olimpíadas do RJ e o grande sismo ocorrido recentemente na placa de cocos):

"– E quais seriam os outros critérios para se tornar um guardião? É possível começar um trabalho com os guardiões já diretamente junto às mais altas hierarquias de guardiões em missões de nível mundial?

Pacientemente a gigante russa respondeu a pergunta sob o olhar sereno de Jeremias que admirava a minha curiosidade incessante sobre o tema que ele próprio havia iniciado:

– Querido amigo o principal critério para aqueles que trabalham pelo bem é motivar a formação de cidadãos de bem e não cidadãos de bens, ou seja, pessoas preocupadas em crescer espiritualmente e ter uma vida material digna, mas sem viver em função de luxos, riquezas materiais ou materialismo.

Tomando um pouco de ar enquanto recebia profunda inspiração do amigo Franciscano, a gigante russa dos olhos violetas prosseguiu com a resposta ampla à minha pergunta:

– Nenhum soldado começa a carreira como general querido amigo, tudo é um processo. Os amigos, tanto encarnados ou desencarnados, que ocupam funções entre os guardiões ou funções de auxílio dentre aqueles com missões mais abrangentes são aqueles que conquistaram esse merecimento ao longo de várias encarnações. Temos ainda algumas questões muito práticas, a primeira delas é que para a principal função dos colaboradores encarnados, que é doar ectoplasma para as nossas equipes, não necessitamos sequer de médiuns projetores. A questão começa a ficar um pouco mais complexa quando necessitamos realizar missões mais abrangentes...

Anik aproveitou a relevância do tema e complementou:

– Normalmente buscarmos trazer para esse trabalho, mais próximo dos guardiões a nível mundial, não apenas aqueles médiuns que cumprem as características que elencamos até aqui, mas também aqueles que possuem a capacidade de compreender algumas questões mais amplas do ponto de vista histórico e geopolítico envolvendo a humanidade, mas também de conseguir transmitir aos encarnados o planejamento daquilo que está sendo elaborado e executado em poucos meses ou pouquíssimos anos, caso contrário não haveria um propósito prático em atuarmos a nível mundial mais diretamente com médiuns encarnados se estes não tiverem a capacidade de compreender e captar essas informações, pois estaríamos os expondo á riscos desnecessários. O ponto fundamental de trabalhar com maior proximidade a guardiões que atuem em nível mundial e que justamente por isso tem acesso mais próximo as diretrizes do Grande Conselho e especificações sobre o cronograma mundial é exatamente poder transmitir tais informações aos encarnados e compreender o porquê de participar de determinadas missões no mundo espiritual, ainda que em termos gerais esse cronograma já esteja relativamente bem delimitado, tanto pelas profecias trazidas pelo próprio Governador Planetário quando esteve encarnado entre os homens, como pelo próprio trabalho que já foi divulgado até aqui e atestou a veracidade desse cronograma em consonância com as profecias." (Livro "Brasil: Ordem em Progresso", página 63 a 75)

AS QUATRO PERGUNTAS

Feitas essas considerações, o leitor reflita:

PRIMEIRA PERGUNTA

Como alguém que supostamente trabalha com guardiões superiores, mestres ascensos e outras frotas especiais nunca trouxe uma única informação detalhada e certeira sobre o futuro próximo da Terra que tenha se concretizado (já que tais entidades atuam com grande antecedência e abrangência no processo da Transição Planetária)?

SEGUNDA PERGUNTA

Se o próprio Jesus apontou data para as profecias do final dos tempos (a geração ou 70 anos citada no Sermão Profético ao relembrar o profeta Daniel), se o próprio Chico apontou data para a Era Nova mediunizado por Emanuel no livro Plantão de Respostas Pinga Fogo II, se Edgar Cayce citou claramente 2036 como o ápice dos eventos em suas cartas disponíveis hoje na sua fundação nos EUA, qual seria o motivo para os novos “videntes” da atualidade citarem datas detalhadas que se cumpram com alto grau de acerto (como no link abaixo*): medo de errar ou a tentativa de ocultar a incapacidade de enxergar claramente o futuro?
  * O link a seguir mostra a previsão feita em 1 de fevereiro de 2016 de que o próximo grande terremoto seria entre as placas de cocos e caribe e aconteceria até o final de 2017. Desde então 1 ano e meio passou e o único sismo acima de 8 graus na Escala Richter foi exatamente naquela região (sul do México, no ponto de encontro das duas placas) antes do final de 2017 (uma das várias profecias detalhadas com datas trazidas aqui através dos guardiões superiores:


TERCEIRA PERGUNTA     

Vamos simbolizar a evolução de um espírito trabalhando como um guardião/exu (que são a mesma coisa apesar do preciosismo de alguns autores) como a evolução de um lutador dentro de um faixa na arte marcial; o faixa branca começa aprendendo a realidade da labuta em hospitais, cemitérios, ruas de um bairro, o azul já começa a ficar apto para missões de maior relevância na cidade, o faixa roxa simbolizaria um exu/guardião apto a missões a nível de Estado ou país, um faixa marrom a nível continental, um faixa preta a nível mundial/planetário. A pergunta é: um faixa branca que está a recém engatinhando na luta, aprendendo com o faixa preta está apto para ser um faixa preta logo que começa a treinar? Mesmo pagando regiamente e de forma justa pelas aulas que recebe ele não vai levar, no mínimo entre 7 à 10 anos para ser um faixa preta (multiplique esse anos de faixa por encarnações, no mínimo, para o caso dos guardiões)? Será que existe maneira de alguém já começar como guardião planetário? Será?

QUARTA PERGUNTA

E se você é um guardião a nível planetário ou está supostamente habilitado (porque alguém disse) a trabalhar diretamente mais próximo deles como um encarnado, como fará isso se nem consegue se projetar de forma consciente no astral? Mais ainda: se a pessoa precisa de um intermediário (outro médium) para se comunicar com o mundo astral (um ente querido desencarnado por exemplo) como que essa pessoa, que não consegue sequer se comunicar de forma lúcida no astral com alguém que mantém laços energéticos fortes vai querer trabalhar junto a guardiões planetários se não vai conseguir absorver claramente as informações trazidas por eles? Como vai atuar em missões complexas destinadas a esse nível de experiência sem o mínimo de lucidez? Não seria mais lógico supor que é necessário, primeiro, um longo estudo e várias práticas que normalmente levarão mais de uma vida inteira até que a pessoa conquiste aos poucos lucidez no astral, experiência nos níveis mais básicos de exus/guardiões (bairro, cidade) antes de pensar em uma atividade planetária?

REFLETINDO

Reflitam e encontrem as respostas para essas quatro questões e vocês leitores saberão o que é REALMENTE trabalhar junto aos guardiões planetários, mestres e frotas superiores que REALMENTE cuidam e tem informações claras da Transição Planetária, mas, sobretudo o que se necessita de esforço e experiência a longo, longo, longuíssimo prazo para REALMENTE trabalhar junto com tais entidades.

Reflitam pois há gente que desde 2012 defende vinda de Nibiru próximo da Terra, nunca previu nada de forma certeira e detalhada sobre a Transição Planetária, que ainda insiste em contrariar o único cronograma mundial da Transição Planetária e ainda assim quer convencer que é um representante das frotas estelares, dos mestres ascensos ou dos guardiões planetários.


Reflitam pois há muita gente especializada do lado de lá que faz qualquer coisa por altas cotas de ectoplasma (como foi mostrado no recente texto sobre o parque das trevas), prometendo noites no paraíso celeste mas oferecendo na verdade dias no inferno, gente que enxerga o povo como gado, que deve ser cercado, aprisionado e servir de fonte de ectoplasma 

O cronograma da Transição Planetária que se cumpriu de 2012 a 2017:



2 comentários:

Unknown disse...

Só uma pergunta bem besta, a curiosidade me mata:
A Anik deve ser absurdamente linda! Não precisa dar nenhum detalhe a mais, só confirme, por favor! hehehehehehe

Alessandro Silva Gouvea disse...

Olá José! Uma curiosidades minha: É verdade que o Vaticano detém desde 1972 a tecnologia do CRONOVISOR? Tipo um equipamento de TV em que conseguem acessar os fatos históricos do passado e fotografa-los? Eles podem inteferir nos fatos ou enxergar o futuro por este aparelho? Uma Instituiçao Ortdoxa como a ICAR possui competência e corpo científico para esses fins?